Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Bolsonaro confirma novidades no IR e no FGTS

Equipe BR Político

Jair Bolsonaro revelou duas medidas para aquecer a economia que estão sendo planejadas pelo seu governo. A primeira, que deve ser anunciado ainda nesta semana, é a liberação de até 35% do saldo do FGTS, chamado por Bolsonaro de “pequena injeção na economia”. Mais cedo, o ministro da Economia, Paulo Guedes, que acompanha o presidente na  54ª Cúpula de Chefes de Estado do Mercosul, disse que a liberação dos saques do FGTS e do PIS-PASEP devem injetar na economia brasileira cerca de R$ 63 bilhões, sendo R$ 42 bilhões com o fundo de garantia.

A segunda medida é a nova tabela do Imposto de Renda. Segundo o presidente, a expectativa é que a alíquota máxima seja de 25%. Hoje, pessoas físicas pagam um máximo de 27,5% de IR. O governo planeja também reduzir a alíquota de empresas, de 34% para 25% e aumentar a faixa salarial de pessoas isentas do pagamento.

Tudo o que sabemos sobre:

Jair BolsonaroFGTSimposto de renda