por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Bolsonaro quer acabar com ‘todo ativismo’

Vera Magalhães

No discurso que fez depois de confirmado o segundo turno, Jair Bolsonaro adotou uma linha dúbia: ao mesmo tempo em que fala em “acabar com a divisão” do País em termos de raça, regiões, sexos, orientação (que ele chama de opção) sexual e classes econômicas, ele acentua essa divisão ao dizer que não se pode mais ter uma orientação à esquerda e que vai acabar com toda forma de ativismo –sem explicar o que isso quer dizer. / V.M.