Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Parlamentares já preparam derrubada de outro veto de Bolsonaro

Marcelo de Moraes

Jair Bolsonaro decidiu vetar hoje, na íntegra, o projeto aprovado pelo Congresso que tornava obrigatória a prestação de serviços de psicologia e de serviço social nas redes públicas de educação básica. A proposta foi vetada sob a alegação que não foram apontadas fontes de recursos para bancar a despesa que será gerada.

O presidente Jair Bolsonaro

Jair Bolsonaro. Foto: Antonio Cruz/Agência Brasil

A reação contra o veto foi imediata. O líder do PDT na Câmara, deputado André Figueiredo (CE), criticou a decisão do presidente e avisou que os parlamentares já estão se organizando para derrubar mais um veto presidencial

“Bolsonaro veta obrigatoriedade de redes públicas de ensino terem pelo menos uma psicóloga e uma assistente social para atender toda a rede. É uma cegueira absoluta para as questões sociais! Não se cansa de apanhar. Vamos derrubar também este veto”, afirmou o deputado pedetista nas suas redes sociais.