Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Bolsonaro vira os canhões e ataca Rodrigo Maia

Gustavo Zucchi

Exclusivo para assinantes

Após se livrar de Henrique Mandetta, Jair Bolsonaro voltou seus canhões contra um novo alvo: Rodrigo Maia. Em entrevista à CCN Brasil, o presidente da República atacou fortemente o presidente da Câmara. Acusou Maia de estar tentando derrubá-lo, em especial por causa da proposta de auxílio aos Estados e municípios, forçando o governo federal a compensar perdas no ICMS e no ISS. “Eu lamento a posição do Rodrigo Maia, que resolveu assumir o papel do Executivo. Eu respeito ele, mas ele tem que me respeitar. Lamento a postura que ele vem tomando”, disse.

Maia é um velho alvo do bolsonarismo. O presidente da Câmara já foi vítima de protestos, inclusive incentivados por Bolsonaro, mas pregou nos últimos tempos uma postura pacífica diante da militância. “Parece que a intenção é outra por parte do Rodrigo Maia. Ele está conduzindo o Brasil para o caos. Não temos recurso para pagar a dívida. Qual a intenção? Esculhambar a economia para que eles possam voltar em 2022? Eu não estou pensando em política”, afirmou Bolsonaro. “”O Brasil não merece o que o Rodrigo Maia está fazendo com Brasil. Me desculpa, Rodrigo Maia, mas péssima sua atuação. Quando você fala em diálogo, a gente sabe qual é.”

Tudo o que sabemos sobre:

Rodrigo MaiaJair Bolsonaro