Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Brasil perde posição em ranking de corrupção

Equipe BR Político

O Brasil caiu uma posição no ranking mundial de percepção da corrupção em 2019, de acordo com relatório da Transparência Internacional, divulgado na madrugada desta quinta-feira, 23. O País aparece na 106ª posição entre 180 países avaliados pelo Índice de Percepção da Corrupção (IPC). Com o resultado, o Brasil repetiu sua pior nota no estudo: 35 pontos.

Foto: Reprodução

Em 2018, o País ficou na 105ª colocação, com 36 pontos, e em 2017 alcançou 37 pontos, no 96.º lugar. O índice é calculado com base nos níveis percebidos de corrupção no setor público por especialistas e empresários – quanto menor a nota maior é a percepção de corrupção no país.

O relatório da entidade apontou como entraves ao combate à corrupção no País o que classificou como “interferência política” do presidente Jair Bolsonaro em órgãos de controle e a paralisação de investigações que utilizavam dados do Coaf.

Dinamarca, Nova Zelândia e Finlândia lideram as primeiras posições do ranking e são os países considerados mais íntegros, com notas mais próximas de 100.