Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Bruno Covas diz estar tomando azitromicina no tratamento da covid-19

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

Diagnosticado com covid-19, o prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), informou na terça-feira, 16, que está tomando azitromicina. Pelas redes sociais, ele disse que foi orientado pelo médico a tomar o antibiótico, que “não é de esquerda ou de direita”. O comentário é uma referência à cloroquina, droga sem comprovação científica de eficácia, defendida pelo presidente Jair Bolsonaro e com protocolo de uso no Brasil.

O prefeito Bruno Covas (PSDB-SP). Foto: Reprodução/Instagram

“Em nome da transparência que entendo necessária quando um político adoece, esclareço que estou tomando o medicamento prescrito pelo meu médico: Azitromicina. Remédio não é de esquerda ou de direita. Lamento que alguns queiram politizar a escolha do medicamento”, escreveu Covas no Instagram.

“Lamento que alguns queiram politizar a escolha do medicamento. Faça como eu: Só tome o remédio que o seu médico prescreveu para você! De resto, continuo bem e sem dor. Obrigado”, completou.

No vídeo, o prefeito reafirmou que mesmo em casa, segue cumprindo com suas funções. “Sigo sem dor, sem febre, sem falta de ar. Falei com o meu médico e a orientação é ficar dentro de casa isolado”, disse o prefeito, que pediu para a população continuar evitando circular de forma desnecessária e destacou a importância do uso de máscaras e álcool em gel.

Tudo o que sabemos sobre:

Bruno CovasCovid-19azitromicina