Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Butantan diz que foi ‘surpreendido’ com paralisação de testes da vacina

Gustavo Zucchi

Exclusivo para assinantes

O Instituto Butantan, que desenvolve a vacina Coronavac em parceria com o laboratório chinês Sinovac, disse em nota que foi “surpreendido” com a decisão da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) de paralisar os testes com o medicamento. O Butantan disse que está “apurando” os detalhes do motivo que levou a suspensão.

“O Butantan informa ainda que está à disposição da agência reguladora brasileira para prestar todos os esclarecimentos necessários referentes a qualquer evento adverso que os estudos clínicos podem ter apresentado até momento”, disse o órgão em nota. Deverá ocorrer uma coletiva de imprensa na manhã dessa terça-feira, 10, para tratar de maiores detalhes.

Na noite dessa segunda-feira, 9, a Anvisa anunciou a paralisação dos testes com a Coronavac devido a um “evento adverso grave” em voluntário do estudo. Não foi informado qual foi a reação, nem se o participante é brasileiro. Enquanto os testes estão suspensos, a vacina não é aplicada em novos voluntários.