Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Carlos Bolsonaro empregou laranja de militar, diz jornal

Equipe BR Político

O vereador Carlos Bolsonaro (PSC-RJ), filho do presidente Jair Bolsonaro, manteve empregada em seu gabinete por 18 anos uma funcionária que já foi laranja do tenente-coronel do Exército Ivan Ferreira Mendes. Ela se chama Cileide Barbosa Mendes e teria emprestado o nome para a criação de empresas de telecomunicação do militar enquanto era funcionária de Carlos. O tenente-coronel também é ex-marido da segunda mulher do presidente, Ana Cristina, de acordo com a Folha.

Cileide trabalhou no gabinete de Carlos na Câmara Municipal do Rio de 2001 até o início deste ano. Enquanto trabalhava para o vereador, ela apareceu como responsável pela abertura de três empresas. Apesar de o registro estar em seu nome, na prática, ela era laranja do militar. Ivan, que hoje está reformado, diz não considerar esse termo adequado, mas admite que ela “emprestou o nome” para ele. Os negócios foram abertos no endereço em que hoje está o escritório de Jair Bolsonaro.