Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Caso do militar espião é retomado

Equipe BR Político

Lembram do Balta? Esse era o nome que o major William Pina Botelho inventou para se infiltrar em ato contra o presidente Michel Temer, no Centro Cultural São Paulo, em 2016. Dezoito jovens foram denunciados por associação criminosa e corrupção de menores.

Agora, o Ministério Público Federal reabriu investigação para saber se o oficial de inteligência do Exército cometeu crimes de falsidade ideológica e usurpação de função pública, informa o El País. Após ser promovido, Botelho foi transferido para o Comando Militar da Amazônia.