Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Centro se articula em torno de Huck

Equipe BR Político

O chamado centro liberal se articula para tentar oferecer uma alternativa ao cenário de radicalização e polarização política que marcou as eleições de 2018. O nome em torno do qual economistas, movimentos de renovação e políticos de centro se unem hoje é o do apresentador de TV Luciano Huck. Mesmo tucanos como Fernando Henrique Cardoso e figuras que orbitaram ao redor do PSDB no passado, como o ex-presidente do Banco Central Armínio Fraga, estão mais próximos de Huck que do governador de São Paulo, João Doria, que também tem o propósito de ser esse candidato de centro.

A movimentação em torno de Huck é tema de reportagem do Estadão neste domingo. O antigo PPS, hoje Cidadania, incluiu em seus quadros nomes dos movimentos de renovação política, como Acredito, Agora e Livres, e deve ser o destino partidário de Huck. Fraga (que concedeu entrevista ao jornal O Globo dizendo que já houve retrocesso democrático nesses oiti meses de governo Bolsonaro) criou um instituto para desenhar políticas públicas que deve ser uma incubadora do programa de governo do apresentador caso ele, desta vez, leve adiante o projeto eleitoral sem recuar diante da perspectiva de ter de se afastar da Globo e dos outros lucrativos negócios ligados à sua imagem.