Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Chanceler vê ‘parceria sólida’ em apoio dos EUA para entrada do Brasil na OCDE

Equipe BR Político

A expectativa do governo brasileiro para esta quarta-feira, 15, é de que os Estados Unidos oficializem o apoio prioritário ao Brasil na entrada do País como membro da Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE). O grupo se reúne hoje, em Paris.

Após meses de incertezas, a Casa Branca encaminhou uma carta à OCDE na qual coloca o Brasil na frente da Argentina e da Romênia na lista preferencial dos EUA. Pelo Twitter, no fim da noite de ontem, o chanceler Ernesto Araújo disse que a decisão demonstra a “parceria sólida” que está sendo construída entre os dois países.

“Anúncio americano de prioridade ao Brasil para ingresso na OCDE comprova uma vez mais que estamos construindo uma parceria sólida com os EUA, capaz de gerar resultados de curto, médio e longo prazo, em benefício da transformação do Brasil na grande nação que sempre quisemos ser”, escreveu o ministro.