Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Cinco anos seguidos no vermelho

Equipe BR Político

Em 2018, as despesas superaram as receitas em R$ 120,3 bilhões, abaixo do déficit projetado de R$ 159 bilhões, mas não é possível comemorar porque se trata do quinto ano consecutivo em que as contas fecham no vermelho, informa o Valor. “O resultado do ano foi muito inferior à meta, o que é positivo. Mas isso não é motivo de alegria porque foi o quinto ano consecutivo de déficit primário. É a pior sequência desde a Constituição de 88. Nem mesmo na segunda metade dos anos 90 isso aconteceu”, disse Mansueto Almeida, secretário do Tesouro.

Segundo ele, o maior peso sobre as finanças públicas vem da Previdência. A Previdência dos servidores fechou 2018 com rombo de R$ 46,4 bilhões no caso dos civis. Já o déficit dos militares – categoria que quer ter as mudanças nas regras enviadas ao Congresso apenas depois da reforma – chegou a R$ 43,9 bilhões.

 

Tudo o que sabemos sobre:

déficittesouroMansueto Almeida