Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Cintra defende adoção de Imposto de Renda negativo

Marcelo de Moraes

Ex-secretário da Receita Federal, Marcos Cintra usou suas redes sociais para defender que a proposta de reforma tributária inclua o modelo do Imposto de Renda negativo e o pagamento de um programa de renda básica como forma de distribuir renda no País. Cintra lembrou que Jair Bolsonaro propôs as duas medidas na sua campanha. O imposto negativo funciona com o governo fazendo um pagamento suplementar para pessoas que recebem menos que o salário mínimo.

“Fala-se muito em distribuição de renda no Brasil. Lembro a todos que o Presidente Bolsonaro incluiu a renda básica e o imposto de renda negativo em seu plano de governo. Por que não implantar esse programa dentro da Reforma Tributária? O crescimento econômico seria vigoroso”, escreveu.

“A desoneração dos custos do trabalho, juntamente com o imposto de renda negativo, consolidariam a retomada do crescimento econômico iniciado no governo Bolsonaro. Com redistribuição de renda e geração de milhões de novos empregos”, acrescentou.