Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Marcelo de Moraes

Ciro destaca desempenho do PDT no campo progressista

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

O ex-ministro Ciro Gomes (PDT) comemorou nesta noite de domingo, 29, o desempenho do PDT no segundo turno das eleições municipais, com destaque para as prefeituras de Fortaleza, com José Sarto, e Aracaju, com Edvaldo reeleito. “PDT foi o partido do campo progressista que mais elegeu prefeitos e vereadores nessa eleição, quase o dobro do PT”, disse o ex-presidenciável.

O PT não elegeu nenhum prefeito neste segundo turno, obtendo 179 prefeituras no primeiro, contra 254 em 2016. O PDT elegeu 311 no primeiro turno, 20 a menos que em 2016, ou seja, ambos perderam posição.

Abaixo, o cientista político Jairo Nicolau mostra o desempenho dos dois partidos nas Câmaras Municipais, o que, defende, é um bom critério para avaliar a capilaridade dos partidos por duas razões. “A primeira é que diferentemente de candidatos a prefeito, todas as legendas tendem a apresentar candidatos a vereador onde existem diretórios municipais organizados. A segunda é que observar os votos é melhor do que as cadeiras eleitas, já que o partido pode obter uma boa votação e não conseguir eleger nenhum vereador”, escreveu.

Crédito: Jairo Nicolau

Vices do PDT

Salvador, Ana Paula Matos como vice de Bruno Reis (DEM)

Natal, Aila Cortez como vice de Alvaro Dias (PSDB)

Recife, Isabella de Roldão como vice de João Campos (PSB)

Maceió, Ronaldo Lessa como vice de JHC (PSB)

No primeiro turno, o PDT participou da coligação vitoriosa com Alexandre Kalil (PSD), em Belo Horizonte, e da de Edmilson (PSOL), em Belém. Também elegeu o prefeito em Niterói (RJ) e, no segundo turno em Serra (ES), que são cidades com mais de 200 mil eleitores.

 

Tudo o que sabemos sobre:

Ciro GomesPDT