Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Ciro diz que Lula repete erro de querer ser candidato

Equipe BR Político

Se depender de Ciro Gomes, a esquerda não vai se unir para as próximas eleições presidenciais contra uma eventual campanha de reeleição do presidente Jair Bolsonaro. Ao falar sobre a soltura de Lula, o ex-ministro petista afirmou que o ex-presidente não aprendeu “rigorosamente nada” depois de passar 580 dias preso. “Sai o mesmo: candidato sem poder ser. Já foi assim em 2018. E deu-se a farsa do (Fernando) Haddad, que se submeteu a uma fraude”, declarou ao jornal O Globo.

Ciro reitera críticas à opção petista de manter Lula como candidato em 2018 até a véspera do primeiro turno, algo não digerido pelo pedetista. “Eles diziam que eleição sem Lula era fraude, depois já não era mais fraude. O que eles dizem de manhã não serve para de tarde. Sempre com a presunção de que o povo é ignorante, que o povo é idiota, que cabe manipular, mentir, enganar porque o que importa é o projeto de poder. Agora, vai se repetir como tragédia, se persistir nesse caminho”, acrescentou.

 

Tudo o que sabemos sobre:

Ciro GomesLulaEsquerda