Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

CNJ vai apurar conduta de desembargador que ofendeu guardas em SP

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

O Conselho Nacional de Justiça (CJN) vai apurar a conduta do desembargador Eduardo Almeida Siqueira. Ele foi flagrado ofendendo guardas civis municipais em Santos, litoral de São Paulo, após ser abordado por estar sem máscara. O corregedor do CNJ Humberto Martins deu 15 dias para Siqueira se explicar sua atitude.

Nas imagens, Siqueira aparece chamando um dos oficiais de “analfabeto” e ligando para o secretário de Segurança Pública de Santos, Sérgio Del Bel Júnior. Em outro vídeo, ele repete a atitude com fiscais de prefeitura que pediram para ele colocar o equipamento de segurança, de uso obrigatório durante a pandemia de coronavírus.

Tudo o que sabemos sobre:

TJ-SPcoronavírus