Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Coaf pode ir para Ministério da Economia

Equipe BR Político

O presidente Jair Bolsonaro afirmou que não teria oposições a retirar o Coaf da tutela do Ministério da Justiça e Segurança Pública, comandado por Sergio Moro, e devolvê-lo ao Ministério da Economia. Originalmente, o órgão fazia parte do extinto Ministério da Fazenda, que foi incorporado à pasta da Economia. A afirmação foi feita pelo presidente em um café da manhã com a jornalistas nesta quinta-feira, 25.

“Não me oponho em voltar o Coaf para o Ministério da Economia, apesar do Paulo Guedes estar com muita coisa”, disse. O controle sobre o Coaf foi um dos pedidos de Moro quando aceitou entrar para o governo, informou o Broadcast Político. O órgão é responsável por investigar crimes relacionados a atividades financeiras, como lavagem de dinheiro e corrupção.