Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Com até R$ 5 bi, ‘a gente aniquila o vírus’, diz Guedes

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

O ministro Paulo Guedes afirmou à revista Veja que não há forma de responder imediatamente à crise da pandemia do coronavírus. No entanto, com R$ 3 bilhões, R$ 4 bilhões ou R$ 5 bilhões, “a gente aniquila o vírus”. “Se promovermos as reformas, abriremos espaço para um ataque direto ao coronavírus. Com 3 bilhões, 4 bilhões ou 5 bilhões de reais a gente aniquila o coronavírus. Porque já existe bastante verba na saúde, o que precisaríamos seria de um extra. Mas sem espaço fiscal não dá”, disse ele à publicação.

O ministro da Economia, Paulo Guedes

O ministro da Economia, Paulo Guedes Foto: Marcos Corrêa/PR

O titular da Economia voltou a defender a necessidade de o Congresso avançar nas reformas, fazendo, no entanto, mea-culpa, de que o governo federal deve fazer sua parte com brevidade. Sem elas, diz, a economia brasileira não vai crescer nem 1%. “Veja bem: o que aconteceu com o Brasil no ano passado quando não tinha reforma nenhuma? Cresceu 1%. E o que aconteceu no ano anterior? Cresceu 1%. E no ano anterior? Cresceu 1%. Neste ano, com o coronavírus, vai ser ainda mais difícil crescer 1% se não fizermos as reformas”.

E volta a entoar sua tese de que a economia brasileira vai bem enquanto a mundial colapsa. “O mundo está em desaceleração sincronizada e o Brasil em plena decolagem.”

Tudo o que sabemos sobre:

coronavírusPaulo GuedesReformas