Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Com crítica a Fischer, Lewandowski deixa placar no 1 a 1

Equipe BR Político

Em voto favorável ao ex-presidente Lula, o ministro Ricardo Lewandowski criticou a decisão monocrática do ministro Felix Fischer, do STJ, de negar recurso do ex-presidente, ao proferir seu voto no julgamento de um dos habeas corpus do petista em pauta no STF nesta terça, 25. Um segundo HC, sobre a suspeição do então juiz Sérgio Moro, deve ser julgado na sequência.

“As garantias foram flagrantemente desrespeitadas. Fiquei perplexo que, num caso dessa envergadura, um ministro tenha monocraticamente negado provimento a um recurso especial”, disse Lewandowski, reporta a Folha. A Segunda Turma do STF, com 5 integrantes, analisa uma ação de Lula contra decisão de Fischer, que negou no ano passado recurso do petista contra a condenação no caso do triplex do Guarujá. Fachin entendeu que a decisão de Fischer foi fundamentada e poderia ter sido dada de forma individual, ponto contestado pela defesa de Lula no STF. No momento, o placar está 1 a 1.

Tudo o que sabemos sobre:

Ricardo LewandowskiLulaSTFFelix Fischer