Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Com Future-se, professores não dependerão de teto salarial, diz MEC

Equipe BR Político

O programa Future-se, lançado pelo MEC em julho, permitirá que professores vinculados a universidades federais recebam pagamentos além do teto salarial determinado pelo STF. “O professor não estará mais sujeito ao teto do STF. Será o melhor emprego do Brasil. O professor que atrair mais recursos será beneficiado por isso. Se ele descobrir a cura da dengue, ele ficará milionário”, prometeu o secretário de Educação Superior do ministério da Educação, Arnaldo Barbosa de Lima Júnior, nesta quarta-feira, 28. Ele participou da Comissão de Finanças e Tributação da Câmara ao lado do ministro da pasta, Abraham Weintraub, para discutir o programa.

Weintraub completou a fala do secretário dizendo que o objetivo é estimular a pesquisa, e negou novamente que o Future-se terá como foco a área de exatas. “É disso que se trata: separar o joio do trigo. A gente quer salvar o trigo. E evidentemente, pelo o fato de as nossas universidades estarem nesses rankings, tem muito joio”, disse.

Tudo o que sabemos sobre:

Future-seMECAbraham Weintraub