Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Com Mandetta na berlinda, Braga Netto recua para incluir Saúde em grupo de crise

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

A iminente saída do ministro Luiz Henrique Mandetta da pasta de Saúde, prevista para hoje, coincidiu com uma resolução publicada pelo ministro da Casa Civil, Walter Souza Braga Netto, nesta quarta, 15, que inclui o Ministério da Saúde, até ontem fora, de um grupo de trabalho com representantes de quase todos os ministérios para criar ações de recuperação e crescimento do País em 90 dias neste atual contexto de pandemia do novo coronavírus.

Como você leu ontem aqui no BRP, o grupo deve apresentar tais ações e atos normativos e medidas legislativas para a retomada das atividades afetadas pela covid-19 em âmbito nacional. Caberá a ele também articular o plano com Estados, municípios, Distrito Federal, empresas públicas e privadas e, mais polêmico, propor diretrizes para a destinação de emendas parlamentares por meio de articulação com o Congresso Nacional.