Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Convite para a posse é item em falta

Vera Magalhães

Na véspera da posse de Jair Bolsonaro, faltam convites para a posse. Aliados se queixam de não ter recebido a desejada credencial para acompanhar no Palácio do Planalto a passagem da faixa de Michel Temer para o novo presidente. Entre os barrados na festa, informa o Globo, estão o pastor Silas Malafia e o suplente do senador eleito Paulo Marinho, que teve papel de destaque na campanha, cedendo a própria casa para gravações e reuniões. Cada um dos 22 ministros teve direito a apenas 4 convites, o que excluirá da cerimônia inclusive familiares. O próprio Bolsonaro fez menção à escassez de vagas em recente transmissão pelas redes sociais.