Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Marcelo de Moraes

Covas ‘herda’ voto bolsonarista nos bairros de São Paulo

Gustavo Zucchi

Exclusivo para assinantes

O mapa da vitória de Bruno Covas (PSDB) por zona eleitoral na cidade de São Paulo mostra que o tucano “herdou” os votos dados para Jair Bolsonaro no segundo turno de 2018. Assim como Guilherme Boulos (PSOL) venceu nos mesmos bairros que deram a maioria dos votos para Fernando Haddad (PT).

O psolista ganhou em oito zonas eleitorais: Paralheiros, Grajaú, Piraporinha, Valo Velho, Capão Redondo, Campo Limpo, São Mateus e Cidade Tiradentes. Haddad ganhou em seis, os mesmos que deram vitória para Boulos, com exceção de Campo Limpo, bairro em que o psolista mora, e São Mateus, na zona leste.

Já Covas obteve vitória em zonas centrais, na zona norte e em bairros periféricos da zona leste e oeste. Os mesmos bairros que votaram em Bolsonaro. Na Bela Vista, por exemplo, foi o bairro central onde a disputa foi mais equilibrada em ambas as eleições.

Bolsonaro obteve 60,38% dos votos válidos em São Paulo e Haddad ficou com 39,62% no município. Neste ano, com 99,9% das urnas, Covas ficou com 59,38% e Boulos obteve 40,62%.

 

Eleição 2020 em São Paulo. O azul é Bruno Covas e o roxo é Guilherme Boulos

Eleição 2018 em São Paulo. O verde é Jair Bolsonaro e o vermelho é Fernando Haddad.