Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Cresce registro de novas armas

Equipe BR Político

A procura por cursos de tiro e o registro de novas armas de fogo cresceram no Brasil no ano passado. Dados da PF e do Exército dialogam com essa que é uma das principais promessas de campanha do presidente Jair Bolsonaro. Ainda nesta manhã, ele deve editar o decreto que flexibiliza as regras para posse de arma no País, segundo a Folha.

Segundo o Sistema Nacional de Armas, da PF, o registro de novas armas em todo o País cresceu 6,35% no ano passado em comparação a 2017, passando de 45.443 para 48.330. Já os certificados de registros do Colecionador, Atirador Esportivo ou Caçador, emitidos pelo Exército no Estado de São Paulo, subiram de 13.408 até novembro de 2017 para 17.591 até novembro de 2018, um aumento de 31%.