Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Cuidado especial com o discurso de Bolsonaro na ONU

Equipe BR Político

Apesar do esforço que Jair Bolsonaro prometeu para ir à Assembleia Geral da ONU, o evento corre o risco de ser desastroso para o Brasil se o presidente insistir no discurso ideológico, recomenda a colunista do Estadão e editora do BRPolítico, Vera Magalhães.  Em especial porque depois da recente crise ambiental causada pelo aumento do desmatamento e das queimadas na região amazônica, o mundo olha para o Brasil “entre o ceticismo, a ironia e o deboche puro e simples”.

“Se for esta a base para o discurso de Bolsonaro na ONU é desnecessário dizer que o resultado será um vexame internacional sem precedentes – e olha que Dilma Rousseff já discursou neste mesmo fórum”, afirma em sua coluna deste domingo. “É urgente que entrem em cena os técnicos do Itamaraty e dos ministérios da Economia e da Agricultura para produzir uma peça que, sem delírios grandiosos e ideologia rastaquera, tentam desfazer a impressão de que o Brasil trata com descaso a questão ambiental e promove retrocessos na nossa exitosa transformação do agronegócio num exemplo de eficiência.”

Tudo o que sabemos sobre:

Vera MagalhãesJair BolsonaroONU