Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Da Vera: F.N.B. contradiz Flávio Bolsonaro

Vera Magalhães

Flávio Bolsonaro ainda não assumiu seu mandato como senador, mas já se valeu da prerrogativa de foro para acionar o STF, em pleno recesso do Judiciário, e obter, no mesmo dia, uma liminar suspendendo uma investigação na qual não é investigado.

Ao reclamar ao STF sob as iniciais de F.N.B, o filho do presidente joga por terra a linha de argumentação que ele próprio, Flávio Bolsonaro, adota desde que veio à tona o relatório do Coaf sobre a movimentação e R$ 1,2 milhão de seu ex-assessor Fabrício Queiroz em um ano: justamente a de que não tem nada com isso, e ele que se explique. O ex-chefe diz que mal fala com Queiroz, mas age como seu procurador recorrendo justamente a uma liminar do STF, expediente sempre tão demonizado pelo bolsonarismo quando utilizado pelo PT ou outros adversários. / Vera Magalhães