Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Da Vera: o ‘bico’, pelo jeito, era o gabinete

Vera Magalhães

Fabrício Queiroz atuava como segurança e motorista da mulher e das filhas de Flávio Bolsonaro, deu duro nas campanhas eleitorais da família, negociava a compra e venda de carros para fazer “dinheiro”, tinha uma filha, também empregada no gabinete na Alerj, que atuava em horário comercial como personal trainer. E, agora, sabe-se por meio de seu advogado, também fazia “bicos” como segurança para completar os rendimentos.

Daqui a pouco, se confirmados todos esses fragmentos de informações, vai-se chegar à conclusão que “bico”, na verdade, era o expediente de Queiroz no gabinete de Bolsonaro. Ah! E não custa lembrar que nenhuma dessas explicações responde, até agora, o volume constante de depósitos de outros assessores do gabinete em sua conta. / Vera Magalhães