Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Da Vera: Prazo de Lula se esvai

Vera Magalhães

Com a decisão do ministro Edson Fachin de remeter ao plenário do STF o novo recurso da defesa de Lula, o prazo para a estratégia do PT de tentar a todo custo registrar sua candidatura se esvai. Com os 15 dias dados para manifestação do Ministério Público, a presidente do Supremo, Cármen Lúcia, só deverá marcar a sessão para analisar o pedido de soltura em agosto.

O prazo final da Justiça Eleitoral para registro de candidaturas é 15 de agosto. O partido pode até aprovar o nome de Lula, preso, em convenção e tentar registrá-lo nesta condição. Mas as chances de obter o registro, que já eram mínimas, se tornam nulas. Cresce a corrente no partido que defende que se parta de uma vez para o plano realista. / Vera Magalhães