Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Dados mostram que casos e mortes cresceram menos nesta quarta

Marcelo de Moraes

Exclusivo para assinantes

Claro que é muito cedo para qualquer conclusão, mas o número oficial de casos e de mortes no Brasil causados pelo coronavírus e registrados pelo Ministério da Saúde cresceu menos de terça para quarta em relação ao que ocorrera de segunda para terça. O dado surge justamente no momento em que o presidente causa grande polêmica ao contestar a política de quarentena e de isolamento e defendida pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e pelos governadores.

Ontem, o Brasil teve mais 12 mortes e 310 casos. Hoje, foram 11 mortes e 232 casos

Ontem, o Brasil teve mais 12 mortes e 310 casos. Hoje, foram 11 mortes e 232 casos Foto: Werther Santana/Estadão

Pelos dados oficiais, o Brasil teve hoje mais 11 mortes, passando de 46 para 57. Mas na terça tinha passado de 34 para 46. Ou seja, as novas mortes tinham sido 12. No número de casos, o Brasil pulou de 2.201 para 2.433, o que representa mais 232 ocorrências. Na segunda, tinham sido 1.891 que passaram para 2.201, causando 310 novos casos. Para ninguém se perder: ontem, o Brasil teve mais 12 mortes e 310 casos. Hoje, foram 11 mortes e 232 casos. Continuou crescendo, mas menos do que no dia anterior.

Será preciso uma sequência de mais dias para saber se a quantidade de ocorrência do coronavírus começou a baixar ou se isso representa apenas um ponto fora da curva. Além disso, é importante lembrar que as subnotificações de casos no Brasil são uma realidade. Autoridades admitem que podem haver pessoas contaminadas que sequer saberão disso por não terem sido submetidos a testes. Várias mortes também poderão não ser identificadas, ficando de fora dessas estatísticas.

Tudo o que sabemos sobre:

coronavíruscasosmortesnúmeros