Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Damares: ‘Se condenada, vou cumprir minha pena’

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

Após a ministra Cármen Lúcia (STF) enviar para a Procuradoria-Geral da República uma denúncia por sua fala na reunião do dia 22 de abril, a ministra Damares Alves, disse estar “tranquila”. Em comentário feito em sua página no Facebook, a atual titular da pasta da Mulher, Família e Direitos Humanos, afirmou que, caso seja condenada, irá cumprir sua pena.

“Se a PGR enteder que cometi crime vou responder uma ação e se condenada vou cumprir minha pena, mas garanto a todos que estou tranquila. Tenho a certeza que não cometi crime algum”, disse.

Na ocasião, Damares falou em “prender” prefeitos que estivessem violando direitos humanos em nome ao combate à pandemia de coronavírus. Na postagem nas redes sociais, ela reafirmou a possibilidade. “Claro que nem toda punição é a prisão. Alguns violadores de direitos terão penas mais brandas, mas a prisão também cabe em muitos casos. E que fique certo que não sou eu quem prendo, eu peço providências.”

“Vamos agora aguardar as decisões do Ministério Público e do Poder Judiciário. Se solicitada, vou apresentar minha defesa. Mas com muita calma, serenidade e respeitando as atribuições do Poder Judiciário e do Ministério Público, vamos aguardar trabalhando muito, pois estamos em meio a uma pandemia e temos vidas para salvar.”

Tudo o que sabemos sobre:

Damares Alves