Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Marcelo de Moraes

‘Decisão acertada’, diz governador do Piauí sobre proibição de voos do Reino Unido

Cassia Miranda

Exclusivo para assinantes

O governador do Piauí, Wellington Dias (PT), que preside o Consórcio Nordeste, chamou de “acertada” a decisão tomada na quarta-feira, 23, pelo governo federal de proibir a entrada no Brasil de voos vindos do Reino Unido após descoberta de uma mutação da covid-19 naquele país. O veto começa a valer de amanhã, 25.

O governador Wellington Dias (PT-PI). Foto: Reprodução

“Consideramos acertada a decisão do governo federal de restringir voos do Reino Unido. Na verdade, os aviões funcionam como espécie de cavalo de Troia. E neste caso, trazendo dentro um inimigo que não são os passageiros, na verdade, nós somos amigos do povo inglês. O inimigo mesmo é o coronavírus com mutação. Pelo risco que causa a população”, disse Dias, que coordena a temática de vacina no Fórum Nacional dos Governadores.

A decisão do governo federal foi tomada um dia depois de o consórcio de governadores do Nordeste enviar carta ao Ministério da Saúde pedindo a suspensão imediata de voos que chegam ao Brasil vindos do Reino Unido, Dinamarca, Holanda e Austrália.

Mais de 40 países já proibiram a entrada temporária de voos internacionais que tenham origem ou passagem pelo Reino Unido.

Tudo o que sabemos sobre:

voosReino UnidoWellington Diassuspensão