Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Defesa do fim da coercitiva

Equipe BR Político

“Se tudo o que as autoridades podem fazer em relação ao sujeito que se nega a prestar esclarecimentos é registrar a recusa, não há por que transformar a providência burocrática num espetáculo circense”, escreve Hélio Schwartsman na Folha ao defender o fim da condução coercitiva.

O colunista pesa os argumentos a favor da manutenção da prática, mas diz que não é possível afirmar que o número de prisões temporárias vai aumentar, como argumentam os defensores da decisão do STF.

Tudo o que sabemos sobre:

condução coercitivaprisão temporária