Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Deltan: ‘Continuarei trabalhando para reduzir corrupção e impunidade’

Marcelo de Moraes

Exclusivo para assinantes

O procurador Deltan Dallagnol, coordenador da Força Tarefa da Lava Jato, usou sua conta no Twitter para reagir à advertência que recebeu hoje como punição do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) por ter criticado decisões de ministros do Supremo Tribunal Federal.

Deltan disse que exerceu seu “direito à liberdade de expressão e crítica”. E afirmou que sua manifestação “decorre de um sistema de justiça que não funciona, em regra, contra poderosos, e é na omissão e no silêncio que a injustiça se fortalece. O debate dos problemas de nosso sistema é essencial”, escreveu.

“Continuarei trabalhando para fazer a minha parte em reduzir a corrupção e a impunidade”, acrescentou Deltan.

Tudo o que sabemos sobre:

Deltan Dallagnol