Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Deputado do PSL diz que Bolsonaro também usou Fundão

Marcelo de Moraes

O deputado federal e presidente do PSL gaúcho Nereu Crispim rebateu o discurso feito por Jair Bolsonaro, colocando a aprovação do Fundo Eleitoral exclusivamente na conta do Congresso. Depois de prometer vetar o Fundão, Bolsonaro mudou de ideia. Mas, diante da reação negativa de seus seguidores, afirmou que, se o fizesse, correria risco de sofrer impeachment.

Crispim, que pertence a ala próxima ao deputado Luciano Bivar dentro do PSL, se aborreceu, principalmente, com o discurso feito por Bolsonaro nas redes sociais defendendo que as pessoas não votassem em que usou o Fundo para se eleger. E afirmou que não utilizou esses recursos na sua campanha presidencial.

Pelas mesmas redes, o deputado criticou esse comportamento e disse que Bolsonaro também se beneficiou do dinheiro do Fundo já que recebeu apoio político de parlamentares que fizeram campanha usando os recursos.

“Podem me criticar. Demagogia de viseira. Se elegeu usando o fundo eleitoral sim. Esqueceram dos 110 parlamentares de outros partidos que o apoiaram na eleição e seus partidos que estão lá no governo com ele”, criticou.

Tudo o que sabemos sobre:

Fundo EleitoralNereu CrispimFundão