Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Dias pressiona por fim do foro: ‘Maia não é o imperador do Brasil’

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

O senador Alvaro Dias (Podemos-PR) reergueu novamente nesta quinta, 1, sua bandeira pela votação da PEC de sua autoria que acaba com o foro privilegiado, durante um seminário da Frente Parlamentar pela Ética Contra a Corrupção da Câmara. Segundo ele, a proposta está há 1.213 dias parada na Casa, desde 11 de dezembro de 2018. O líder do Podemos reclamou que Rodrigo Maia não é imperador do Brasil.

“Rodrigo Maia não é o imperador do Brasil, não é proprietário da Câmara. Ao não votar o projeto, ele desrespeita o Senado Federal, desrespeita os parlamentares que querem a votação do projeto, e a esmagadora maioria deseja a aprovação do projeto. E mais, Rodrigo Maia desrespeita o povo brasileiro, porque não há nenhuma dúvida de que mais de 90% da população deseja o fim do foro privilegiado. O país não gosta de engavetadores”, acrescentou o líder.

Além dele, estavam a deputada federal Adriana Ventura (Novo-SP), presidente da frente; o ex-juiz e ex-ministro da Justiça Sérgio Moro; o promotor de Justiça Affonso Ghizzo Neto; e o procurador e presidente do Instituto Não Aceito Corrupção, Roberto Livianu. A deputada anunciou que já deu início à coleta de assinaturas solicitando a votação com urgência do fim do foro em plenário.

Tudo o que sabemos sobre:

alvaro diasRodrigo Maiaforo privilegiado