Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Marcelo de Moraes

Do Marcelo: Governo demorou a buscar vacina e prejuízo político é enorme

Marcelo de Moraes

Aliados de Jair Bolsonaro reconhecem que, politicamente, ele sai muito desgastado na busca pela vacinas contra o coronavírus. Não apenas pelo seu negacionismo, mas também pela desorganização do governo para preparar um plano nacional de vacinação, justamente num período em que a pandemia voltou a crescer muitos Essa bagunça também ficou clara nas dificuldades para adquirir vacinas e materiais como agulhas e seringas.

O governo ainda tenta correr atrás de um fato político, acelerando a vacinação nacional. Mas nas contas internas dos bolsonaristas, o estrago político já está feito.

Esses aliados do presidente lembram ainda que  ele também ficou em má situação diante de um possível adversário direto na disputa pela eleição presidencial, que é o governador João Doria. A avaliação é que o tucano entendeu o tamanho do problema e se preparou para enfrentá-lo, investindo na busca por uma vacina. Bolsonaro, ao contrário, fez uma espécie de “corrida para não chegar”. Para agradar sua ala mais ideológica, passou todo o tempo minimizando a doença e criticando a vacina. Preferiu apostar que a pandemia se resolveria sozinha e diminuiria com o tempo. Com mais de 200 mil mortes, sendo mais de 1.500 apenas na quinta, é óbvio que isso não ocorreu.

Para esses aliados do presidente há apenas um fator que pode ajudá-lo nessa questão. Como a eleição será somente no próximo ano, ainda há tempo para tentar diminuir o impacto dessa crise. Com a vacinação, a tendência é que essa agenda possa ficar menos pesada. Mas, mesmo assim, reconhecem, não deverá ser esquecida e voltará com força na campanha.

Tudo o que sabemos sobre:

Do Marcelovacinação