Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Do Marcelo: Volta de Bolsonaro destrava governo

Marcelo de Moraes

Com a alta recebida, o presidente Jair Bolsonaro reassume suas funções e abre o caminho para que o governo federal destrave suas ações. Por mais que o presidente já viesse fazendo alguns despachos de dentro do quarto do Hospital Albert Einstein, sua volta ao comando das ações do governo tem a capacidade de agregar seus apoiadores dentro e fora do governo e unificar o comando. Como afirmou ontem o presidente nacional do PTB, Roberto Jefferson, sem Bolsonaro o governo se comportava como “uma orquestra sem maestro, todos tocando no tom do próprio gosto pessoal. Um grande desconcerto”.

A primeira e mais urgente decisão que o presidente vai poder tomar é sobre o conteúdo da proposta de reforma da Previdência. Mais importante projeto do governo, a reforma depende da palavra final de Bolsonaro, que vai definir a extensão do que será enviado para o Congresso. A tendência é que o presidente suavize o texto que a equipe econômica gostaria de ver aprovado pelos parlamentares. A decisão deve baixar o entusiasmo do mercado, mas, em compensação, o presidente aumenta a possibilidade de a reforma ser aprovada. / Marcelo de Moraes

Tudo o que sabemos sobre:

Do Marcelo