Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Doria: ‘Mil pessoas mortas em um dia é uma tragédia sem tamanho’

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), iniciou a coletiva de imprensa nesta quarta-feira, 20, afirmando que “mil pessoas mortas em um dia é uma tragédia sem tamanho”. Ontem, o Brasil registrou 17.408 novos casos de covid-19 e 1.179 novas mortes em decorrência da doença em 24h, segundo o Ministério da Saúde.

O governador João Doria

O governador João Doria Foto: Reprodução/Youtube

“Tenho 62 anos e nunca pensei ter de anunciar mil mortos em um só dia”, disse Doria, em referência ao recorde nacional. De ontem para hoje, o Estado de São Paulo registrou 3.664 novos casos e 216 óbitos, informou o secretário estadual de Saúde Luiz Henrique Germann. No total, São Paulo tem 69.859 casos confirmados e 5.363 mortos pela covid-19. “O Brasil precisa estar unido para vencer o coronavírus e superar esse drama e a tristeza perdida de tantas vidas”, disse Doria.

No Estado, todas as cidades com população acima de 15 mil habitantes já registram casos de covid-19. São 478 cidades, o equivalente a 74% dos 645 municípios de São Paulo, alertou o secretário de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi.

Reunião com Bolsonaro

O governador comentou ainda sobre a reunião virtual a ser realizada na quinta-feira, 21, entre os 27 governadores e o presidente Jair Bolsonaro. Segundo o tucano, hoje, 25 chefes do Executivo estadual se reuniram para tratar sobre o encontro. Doria disse que o entendimento entre eles é “respeitar a ciência”. “Queremos uma reunião em paz com Bolsonaro, com foco na proteção à vida”, disse.

Tudo o que sabemos sobre:

João Doriamortescoronavírus