Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Doria quer 70% da população de SP em isolamento

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

O Estado de São Paulo registrou na quarta-feira, 8, seu menor índice de isolamento social desde que a quarentena foi decretada. De acordo com o governador João Doria (PSDB), cerca de 49% da população respeitou as medidas de restrição de mobilidade ontem. O dado é do Sistema de Monitoramento Inteligente (SIMI-SP) do Governo de São Paulo . Na avaliação do tucano, é necessário que ao menos 70% da população esteja isolada para que o governo tenha um controle mínimo da expansão da covid-19.

Coletiva de imprensa sobre o combate ao coronavírus. Foto: Governo de SP

“Não saia de casa se você tem estima pela sua vida, dos seus pais, do seu marido ou das pessoas que você considera”, pediu Doria em coletiva desta quinta-feira, 9.

Na tentativa de intensificar a fiscalização do cumprimento da quarentena, o governo fechou uma parceria com operadoras de telefonia celular para ter acesso à localização em tempo real dos usuários de celulares. O sistema vai permitir a identificação de aglomerações de pessoas e facilitar a atuação de fiscais e da polícia. Na Capital paulista, epicentro da pandemia, a taxa de isolamento social registrada ontem foi de 51%.

Isolamento em queda

A secretária de Desenvolvimento Econômico, Patrícia Ellen, demonstrou preocupação com a queda na taxa de isolamento. Segundo ela, o índice de pessoas em casa no Estado já esteve em 59%.

“As nossas taxas estão bem abaixo dos países que adotaram o lockdown. Todos chegam em 90% a 80% em algum momento e a gente não passou de 60%”, disse a secretária.

Tudo o que sabemos sobre:

João DoriaisolamentoSão Pauloquarentena