por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Doria: ‘Reagiu, vai para o cemitério’

Equipe BR Político

O governador eleito de São Paulo seguiu na linha de Wilson Witzel, eleito para ocupar o governo do Rio, ao falar do combate à criminalidade. Se o escolhido pela população fluminense quer colocar atiradores de elite para abater traficantes armados, sua contraparte paulista promete “bandido que reagir vai para o cemitério”. “Se o bandido reagir, será imobilizado. Se ainda assim reagir, vai deitado para o cemitério”, disse ao apresentar o general da reserva João Camilo Pires como o novo secretário de Segurança.

 

 

Tudo o que sabemos sobre:

João DoriaWilson Witzel