Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Eduardo: ‘O que Carlos falou não tem nada de mais’

Equipe BR Político

Depois de ver o irmão ser criticado ao longo deste terça-feira, 10, o deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) saiu em defesa do vereador Carlos Bolsonaro (PSC-RJ) no plenário da Câmara nesta terça-feira. Sob protesto de alguns deputados de oposição, o parlamentar disse que a fala de Carlos relativizando a democracia “não tem nada de mais”.

“O que Carlos Bolsonaro falou não tem nada de mais. As coisas em uma democracia demoram porque exigem debate. Ele falou só isso. Não temos condições de mudar o Brasil na velocidade que gostaríamos. Por nós, teria outra velocidade, mas o tempo do Congresso não é o tempo da sociedade”, disse o deputado que almeja ocupar o cargo de embaixador do Brasil em Washington, nos EUA.

Eduardo também acusou a oposição de isentar de críticas a situação da Venezuela e de apoiar países como Cuba. “São amantes de ditaduras. São incapazes de repudiar o governo de (Nicolás) Maduro e vêm aqui posar de amantes da democracia”, disse. Enquanto Eduardo discursava do centro do plenário, deputados pediam que ele “limpasse a boca” antes de criticar os partidos de oposição.

Vale lembrar que durante a campanha eleitoral do pai, uma declaração nada diplomática de Eduardo que veio à tona também colocou em xeque o compromisso do 03 coma democracia. “Cara, se quiser fechar o STF, sabe o que você faz? Você não manda nem um jipe. Manda um soldado e um cabo. Não é querer desmerecer o soldado e o cabo, não”, disse.