Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Em ato, PT acusa Moro de perseguir Lula

Marcelo de Moraes

O comando nacional do PT decidiu fazer um ato político na Câmara dos Deputados contra a decisão de Lula ser transferido para o presídio de Tremembé, no interior de São Paulo. A presidente do PT, Gleisi Hoffmann, repetiu que a decisão da transferência faz parte de um processo de perseguição “liderada” pelo ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro. “Foi mais uma arbitrariedade contra Lula”, reforçou Fernando Haddad.

Dirigentes petistas irão agora ao Supremo para tentar reverter a decisão de transferência. /M.M.

Tudo o que sabemos sobre:

PTcâmaraLulasergio moroperseguição