Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Em clima de Páscoa, Moro fala na ‘redenção’ dos presos

Equipe BR Político

Talvez contagiado pelo clima de Páscoa, o ministro da Justiça e da Segurança Pública, Sergio Moro, preferiu virar o disco e, ao invés de falar  da endurecimento das leis brasileiras, destacou a importância da “redenção” dos detentos no Brasil. “Embora defenda o endurecimento da lei com a criminalidade mais grave (projeto anticrime), temos que trabalhar pela ressocialização e acreditar que todos os presos têm chance de redenção”, disse, destacando o trabalho feito pelas Associações de Proteção e Assistência aos Condenados (Apacs).

Ele destacou que planeja investir nesse modelo em sua gestão no Ministério. “As Apacs dependem muito do envolvimento da comunidade, do promotor e do juiz local e elas apostam na vontade do preso de cumprir a pena e reabilitar-se. O MJSP vai investir nesse modelo, mas não é só dinheiro, demanda, como disse, envolvimento das pessoas.”

Tudo o que sabemos sobre:

sergio moroAPACsistema prisional