Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Em junho, Brasil fecha 10.984 vagas com carteira assinada

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

Em junho, o Brasil registrou queda nas demissões e aumento nas contratações, de acordo com dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) divulgados nesta terça-feira, 28, pelo Ministério da Economia. O saldo foi de 10.948 empregos com carteira assinada no mês.

Com a pandemia, o saldo do emprego formal mostra redução de 763.232 vagas com carteira assinada entre janeiro e abril

O Brasil registrou queda nas demissões e aumento nas contratações, em Junho Foto: Arquivo/Agência Brasil

Junho marca a menor perda de vagas desde a chegada da pandemia de covid-19 no Brasil, em março. Em maio, a perda havia sido de 350.303 vagas. Entre março e junho, a perda de empregos formais para a pandemia chegou a 1,539 milhão.

O saldo resultado de junho decorre de 895.460 admissões e 906.444 demissões. O volume representa um acréscimo de 24% nas contratações e uma queda de 16% nos desligamentos em relação a maio. Ainda assim, esse foi o pior resultado para o mês desde 2016, quando o saldo líquido foi negativo em 91.032 vagas. Em junho de 2019, houve a abertura de 48.436 vagas com carteira assinada.