por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Em reunião, tendência é PSB bater martelo contra reforma

Equipe BR Político

O diretório nacional do PSB se reúne na manhã de quinta, 25, para definir oficialmente a posição do partido sobre a reforma da Previdência, embora já esteja claro de qual lado está a legenda. Para o presidente Carlos Siqueira, a PEC do governo diminui os direitos sociais da população, embora destaque que a sigla não desconhece o problema fiscal do Brasil. “O que nós propomos é que se faça uma ampla reforma fiscal, não tirando direitos, mas mudando o sistema fiscal do Brasil”, disse ele. Questionado se há consenso no PSB, Siqueira afirmou que prefere que não haja. “Gosto de embate”, resumiu Siqueira ao BR18.

 

Tudo o que sabemos sobre:

PSBCarlos Siqueiraprevidência