Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Empresários lançam movimento pró-CPMF

Equipe BR Político

Um grupo de empresários e entidades dos setores de comércio e serviços lançou um movimento contra os projetos de reforma tributária que tramitam no Congresso na segunda-feira, 17, com a participação do ex-secretário da Receita Federal Marcos Cintra e o empresário Flávio Rocha. O grupo se diz a favor de uma reforma baseada na proposta que Cintra defendia quando estava no governo, com desoneração da folha de pagamento e criação da “nova CPMF”.

O empresário Flávio Rocha

O empresário Flávio Rocha Foto: Nacho Doce/Reuters

O evento, que ocorreu no Clube Esperia, na zona norte de São Paulo, rendeu críticas do presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, que apadrinhou a proposta da PEC 45. “Não é justo que, em vez de estarmos em uma grande mesa de debates da sociedade, inclusive dos empresários, parte dos empresários estarem fazendo campanha contra. Não foi assim que eles trabalharam na Previdência. Mas a Previdência eles não pagam a conta”, afirmou. A proposta, defendida por partidos de centro, é a mais avançada no Congresso e tramita atualmente na Câmara dos Deputados.

O senador bolsonarista Major Olímpio (PSL-SP) esteve no evento e foi anunciado pelos empresários como o representante do grupo no Congresso. Segundo os empresários que patrocinam o movimento, os projetos do Congresso só beneficiam bancos, grandes indústrias e o setor de bebidas alcoólicas, enquanto os setores representados por eles e o agronegócio seriam os mais prejudicados.

“Analisando as duas propostas, chegamos à conclusão de que a sociedade civil, as empresas, as entidades empresariais e os trabalhadores não estão sendo ouvidos”, afirmou o presidente da Associação Comercial de São Paulo, Alfredo Cotait, organizador do encontro.