Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Erros e otimismo

Equipe BR Político

“Simonsen, conhecedor da insanidade brasileira, dizia que, aqui, quando uma experiência dá errado, ela é repetida até dar certo”, cita Ricardo Rangel em sua coluna de despedida do jornal O Globo.

O jornalista reflete sobre as ‘insanidades’ do País, como a violência que vitimou Marcos Vinícius, de 14 anos, e Marielle Franco, a promessa de Bolsonaro de tirar o Brasil da Comissão de Direitos Humanos da ONU, as tentativas de liberdade de Lula, entre outras. No entanto, Rangel é otimista: “aos trancos e barrancos, o Brasil avança.”

Tudo o que sabemos sobre:

violênciaJair BolsonaroLula