Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

‘Estabilidade do servidor não é cláusula pétrea’

Equipe BR Político

A equipe do atual ministro do Planejamento afirmou nesta quinta, 13, que apresentou um projeto de reforma administrativa ao futuro governo para reduzir as atuais 309 carreiras do serviço público para um número inferior a 20. “Estabilidade do servidor não é cláusula pétrea”, resumiu o titular da pasta, Esteves Colnago, informa o Broadcast Político. Ele será secretário-adjunto de Fazenda no Ministério da Economia.

Caberá à equipe do futuro ministro Paulo Guedes bater o martelo. Hoje, um quarto dos deputados federais é servidor público e atua hoje como a maior força de pressão no Congresso Nacional. Veja o infográfico do Estadão sobre essa bancada aqui.