Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

‘Estamos colhendo a humilhação’, diz diplomata sobre Brasil na OCDE

Equipe BR Político

Na mesma linha da análise feita pela editora Vera Magalhães aqui no BRP, o ex-embaixador nos EUA Rubens Ricupero avalia que a decisão dos EUA de não referendar a antecipação do ingresso do Brasil na OCDE é uma “humilhação pública depois de terem feito todo esse festejo” para o anúncio do apoio.

“Os americanos fizeram essa promessa (de apoio ao Brasil) numa conversa, sem uma negociação calma, levando em conta as consequências. O que se vê agora é que o Brasil trocou algo concreto (o status de país em desenvolvimento na Organização Mundial do Comércio) por um vazio (a promessa de apoio na OCDE), como a maioria do que foi anunciado naquela visita (de Bolsonaro aos EUA)”, disse ao Estadão.

Contrário à adesão do País à OCDE, Ricupero defende que o Brasil, com o status de país subdesenvolvido que tem, deveria fortalecer sua posição internacional ao lado de outros países em desenvolvimento. “Devemos invocar o fato de que nossa economia está longe de ser avançada e, por isso, não temos condições de fazer concessões que se exigem dos outros. É balela dizer que o ingresso na OCDE garante um selo de boas políticas econômicas. A Grécia, que faliu, é um membro”, afirmou.

Tudo o que sabemos sobre:

Rubens RicuperoBrasilEUAOCDE