Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Estudo ‘fake’ do amigo de Temer?

Equipe BR Político

Um documento produzido pela PDA Projetos, empresa do coronel João Baptista Lima Filho, amigo do presidente Michel Temer investigado pela Polícia Federal e pelo Ministério Público Federal, foi usado para justificar o repasse de R$ 1 milhão pela Engevix — que afirmou que fez o pagamento em 2014 para obter o apoio de Temer, então vice-presidente, para um aditivo contratual na usina de Angra 3.

Reportagem da Veja, que teve acesso ao estudo da PDA Projetos, submeteu o documento a especialistas, que afirmam que ele não se sustenta tecnicamente. A reportagem está aberta no site da revista devido à greve dos caminhoneiros